Luto Antecipatório

Trata-se do conjunto de processos deflagrados pelo paciente e pela família a partir da progressiva ameaça de perda. É um ativo processo psicossocial de enlutamento que ocorre na fase entre o diagnóstico e a morte propriamente dita. Manifesta-se antes da perda real e tem as mesmas características e sintomatologias do processo de luto normal.
Há sempre uma ambiguidade: a pessoa está física e psiquicamente presente mas a sua morte é iminente pois não há mais o que se possa fazer do ponto de vista clínico para cura.
Pacientes oncológicos em estágio avançado e aqueles com ELA (esclerose lateral amiotrófica) são exemplos de situações onde a morte anunciada encontra-se presente, gerando tanto no paciente como em seus familiares e amigos íntimos reações de enlutamento: confusão, desorganização, negação, choque, culpa, depressão, descrença, ansiedade, angústia, perda ou aumento de fé, isolamento, alterações do apetite, dentre outras.
O que se pode fazer numa situação dessas?
Como lidar com estes fatos, pensamentos e sentimentos?
Como encarar e lidar com a iminência da morte de um ente querido?
Essas e muitas outras questões são apresentadas e discutidas neste livro pelo seu autor, que possui vasta experiência no acompanhamento psicoterapêutico a pacientes terminais, seus familiares, entes queridos, cuidadores e profissionais da saúde.

Escreva um comentário

Nota: O HTML não é traduzido!
    Ruim           Bom

Luto Antecipatório

  • Visitas: 1295
  • Editora: PoloBooks
  • Autor: José Paulo da Fonseca
  • Disponibilidade: Em estoque
  • R$ 55,00